quinta-feira, setembro 24, 2009

sunny days
Chego em casa, vinda de uma vernissage, bem faceira, e 77 está a meia luz, sentadinho no sofá, assistindo Koyaanisqatsi.

Pergunto o que é e ele diz que é um filme. Sobre o nada.

Vejo por 10 minutos e penso que realmente deve ser bom, desde que você assista em um estado alterado da mente.

Vamos combinar: eu aproveito quando ele não está pra ver episódios velhos de Sex and the City e filmes mulherzinha. Quando eu saio, ele vê filmes cabeça.

Sim, meus amigos, era só o que me faltava.

...

Mas o que importa mesmo é que eu já estou em modo FOLGA TOTAL ligado. Dois dias sem trabalhar, um final de semana de 4 dias e por aí vai a felicidade da pessoa. Porque eu também sou filha do ômi.

É claro que eu tenho uma lista de compromissos amanhã: acordar às 10h (mesmo que eu não tenha sono), tomar um banho demorado, desses que a gente aproveita e faz até hidratação no cabelo, ir bater perna no centro (sim, eu adoro bater perna no centro da cidade, entrar em todos os lojões oba oba, ver os fast fashion da Marisa, me jogar sem bóia naquelas lojas fantásticas de tecido...), e conhecer, finalmente, a Mel no fim do dia.

Só falta fazer um sol lindo e ainda secar as roupas no varal. Larilá.

"sombras" ou "nossa escancarada intimidade", no pátio 2, também chamado por mim mesma de quintal


...

Ah, sim: atualizei o Flickr dos Tertolinos. E ando mais crafter do que nunca. Corto, costuro, bordo, alinhavo. Esses dias desencavei umas contas e fiz dois colares, para consumo próprio, e não sei onde enfiar toda essa minha vontade de criar coisas (bonitas-feias, bem ou mal acabadas) com as minhas próprias patinhas. Início de outubro tem Festival de Quilt e Patchwork em Gramado, e lá vou eu, de novo, acompanhar tudo, a trabalho, saltitante. Depois eu conto. E mostro. Tudinho.

# . por Joelma Terto .  0 Comentários