segunda-feira, julho 27, 2009

Hey! Teacher! Leave them kids alone!
Momento de(coeur)ação:

Lembram da parede chocolate de uns posts passados?

minha voz continua a mesma


Agora ela está assim:

mas os meus cabelos... QUANTA DIFERENÇA!

Finalmente conseguimos, 77 e eu, colocar os quadros. Agora a gente tem uma geladeira na sala. Eu já falei de Sísifo, não é? Eu me sinto so Sísifo...

E eu já falei que eu ando com vontades zeros de escrever em blog? Então eu vou mostrar a parede, pra ter assunto pra papear por aqui.

Algumas considerações sobre quadros e paredes.

Antes de botar os bichos na parede, a gente utilizou a clássica técnica de dispor as molduras na chon, medir tudo bem medidinho e ver como vai ficar. Na hora H, acabamos mudando alguns de lugar e descartando três quadrinhos. Mesmo assim, recomendo o macete.

planejamento é tudo


Dessa vez dispensamos a furadeira. 77 descobriu, na ferragem, os tais pregos de aço. São uns preguinhos tiquinhos de nada, mas super resistentes. A técnica do numérico é: um pedacinho de durex na parede (pra não soltar o reboco) e preguinho de aço nela. Deu super certo, até pros mais pesados - embora não tenha nenhum pesadão.

77 executando a obra nababesca


Por último, só para constar, algumas das molduras são, nada mais que porta-retratos de 1,99. E eu queria contar, brevemente, a historinha do pôster da zebra. Ele foi um dos meus melhores achados decorativos dos últimos tempos. Foi achado mesmo, no lixo, abandonado na frente do meu antigo prédio. Levei pra casa e incorporei à decoração. Quando vim pra esse apartamento deixei de lado porque além da gravura estar bem amarelada, a moldura estava quebrada. O 77 fez um belo trabalho de "restauração digital". Escaneou tudo, pedaço por pedaço, reconstruiu e nós mandamos fazer uma nova zebra, em plotagem, numa gráfica. Depois foi só emoldurar tipo pôster e botar na parede. Esse processo todo levou só uns 6 anos. Sísifo, tão ligados? Pois é. Mas agora ela tá aqui, faceira, na minha parede.

a original é a da direita, ela foi morar na casa da tchia Livia


pedaço da sala - clique nas fotos para vê-las maiores


self portraita monday com sol, frio e olheiras. foco zero


...

Momento "O consumo é mesmo uma merda" - lá vai Joelma gastar todos seus cobres (os que sobraram no fim do mês) em... papel higiênico!!!

...

É coincidência ou destino você estar em São Paulo no mesmo dia do show do Little Joy? É coincidência, destino ou muita falta de sorte o evento do seu cliente ser no mesmo dia do show (e você não ter um puto tostão furado, afinal de contas)? Então tá combinado: de 13 a 19 de agosto, em São Paulo, sem show, mas conferindo as (ui!) teindêincias - ou as novas ondas, como diria a querida Viv Pontes - de decoração.

# . por Joelma Terto .  0 Comentários