segunda-feira, março 09, 2009

como uma deusa - parte I
Eu ia fazer um post em ordem cronológica contando como foi meu Dia de Rainha by La Reina Madre tim tim por tim tim. Como eu conheci todo o processo produtivo artesanal das bolsas La Reina, de como meus zoinhos brilharam quando eu vi, em primeira mão, aqueles tecidos exclusivos que vão virar as bolsas mais lindas do mundo, de como eu conheci as assistentes queridas da Rainha, sobre o atelier La Reina que é lindo de morrer...

Mas eu vou poupar vocês dessa parte e vou pular pro momento em que Denize Barros abriu três malas de maquiláge (aqueles produtchenhos que as molheres matam e morrem, num sabem?) e me transformou adivinhem em quem? Em Bia! Eu parecia um pachá, bem sentada, bebericando champã e comendo bem casado, toda fina, enquanto Denize Barros me maquilava todinha, às quatro da tarde de uma sexta-feira mormacenta em São Bernardo do Campo.

Se fui pobre, não me lembro.

Só sei que depois da purpurina, lá fui eu pro paredão, de bolsão, oclão, carão e me joguei na carreira de MODELA MANEQUIM FOTOGRÁFICA.

Denize dizia: "olha pra cá", "levanta o queixo", "agora mostra a bolsa assim". Em menos de 10 minutos eu tinha certeza: nasci pra isso.

Vocês tem alguma dúvida que eu fiquei linda de marré, glamurosa, luxuosa e um espetáculo de mulher? Então vão lá olhar. Podem ir e confiram minha estreia sem acento como Bia. Só faltou o olho puxado.

De quebra, ganhei o direito de ter duas bolsas magavelousas batizadas com meu nominho: Jo Jo Black e Jo Jo Mui Rica.

Agora é só deitar na rede e esperar a fama, a glória, um iate na garagem e diamantes no cofre do banco. Porque os diamantes bla bla bla...

MINI MAKING OF DO EXTREME MAKEOVER:

terra em transe


brush


curvex sagrado


olho nos olhos


você é doida demais


Depois eu volto com a segunda parte da estória, que a estória tem segunda parte. Mas antes ums perguntinha pra você, amiga irmã caminhoneira shell:

Você acorda pra que?


# . por Joelma Terto .  0 Comentários