terça-feira, junho 10, 2008

AL 101 off-road norte
Palma, palma, não priem cânico. 77 e eu estamos vivos e passamos muito bem a base de cuscuz, macaxeira, inhame, canjiquinha, pamonha, tapioca, acarajé (alagoano) e suco de tudo quanto é tipo de frutas da estação chuvosa. É bom estar em casa, especialmente quando temos a disposição um Celtinha duas portas, sem ar nem direção hidráulica nem rádio nem luxo qualquer, só nosso, pra subir, descer e ir pra todos os lados possíveis e imagináveis dessas zalagoas dos pagos meus. Temos passeado bastante, apesar do chuvisco. Sintam: Pontal da Barra, Massagüeira, Francês e Marechal Deodoro (sul). Barra de Santo Antônio, Barra de Camaragibe, São Miguel dos Milagres e Porto de Pedras (norte). Isso só em dois dias, sem contar Guaxuma, Jatiúca, Ponta Verde, Pajuçara...



texturas de Marechal Deodoro
clique para ampliar


Ufa.

Amanhã tem o sertão e mais história pra contar na sequência.

Enquanto isso no Rio Grande: fogo na CPI do Detran (toda cobertura EM CHAMAS na Nova Corja); mais apagão aéreo no Salgado Filho, dessa vez fechado por 18 horas seguidas; bomba, literalmente, no centro de Porto Alegre (com texto propositalmente divertido da ZH, de graça pra vocês); e MASSA DE AR POLAR (a caixa alta é por minha conta, hohoho), com mínimas bem mínimas e muita rajada de vento (mais hohoho). Barbaridade é pouco.

# . por Joelma Terto .  0 Comentários