terça-feira, agosto 21, 2007

pingüim, pingüim, doce de leite
Falando bem sério? Ter trabalhado intensivamente nesse evento me fez rejuvenescer uns 10 anos. Ou mais. Problema mesmo são os meus joelhos de trinta anos, que dóem. E um sono que não passa nunca.

Agora que voltei pra casa, começo a me preparar para mais uma maratona. Pra quem ainda tem alguma dúvida que minha vida é puro luxo e gla-mu: dos holofotes do cinema direto pra bosta de vaca de mais uma feira de agronegócios. Sem escala. Meu alento: Tião diz que vai estar lá e, vocês sabem, a vida é muito mais leve quando temos amigos queridos por perto.

Voltando à rotina aos pouquinhos. E antes esqueça, fui citada no blog lindo da Simone Quintas. Nem preciso dizer que estou toda boba e saltitante e um tantinho sem jeito. É que tem uma coisa sobre mim que talvez vocês não saibam: não posso com elogios. Não sei bem o que fazer com eles, onde enfiar as mãos. Por isso eu vou mudar de assunto e dizer para os que chegaram agora vindos de que a minha latinha do Ronaldo Fraga pode ser vista nesse link aqui. (Simone querida, brigada pelo carinho viu? nem preciso repetir que sou tua super fã e adoro teu cantinho.)

o Itá pagou o sushi. da série "nonsense e piadas internas - eu gosto"


# . por Joelma Terto .  0 Comentários