segunda-feira, maio 07, 2007

duas cambalhotas
Dedé: Zacarias, ô Zacarias! Vem cá!
Zacarias: Que é que é, Dedé?
Dedé: Onde é que você estava, Zacarias?
Zacarias: Oi, eu estava escovando os dentes das galinhas e botando desodorante nos suvacos das asas delas.
Dedé: Mas tu só faz besteira, Zacarias?
Zacarias: Ah. Hihihi.
Dedé: Cade o Mussum? Ô Mussa!
Mussum: Tamos aísis.
Dedé: Tamos aí? Cadê as galinhas ensinadas do Barão?
Mussum: Aquelas artistis?
Dedé: As galinhas artistas.
Mussum: Ah, com a fome que eu tô, eu comi o elenquis.
Dedé: O Barão vai matar a gente. Didi!
Didi: Cuma?
Dedé: Didi.
Didi: Cuma?
Dedé: Onde é que cê tava?
Didi: Eu tava vendo as galinhas do Zacarias, coitadas.
Dedé: É?
Didi: Teve uma lá que se enganou, comeu o fio de telefone pensando que era minhoca.
Dedé: E daí?
Didi: Agora quando o galo chega perto dela, dá sinal de ocupado.
Dedé: Mas não quero saber mais de palhaçada não. Quero saber daquele cahorrinho ensinado que você tem.
Didi: Coitado.
Dedé: Coitado por que?
Didi: Aconteceu um desastre.
Dedé: Desastre?!?
Didi: Um-hum.
Dedé: Que é que houve?
Didi: O caminhão passou na pata traseira dele.
Dedé: Cortou a patinha detrás?
Didi: Cortou.
Dedé: Xiiiiii. E agora como é que ele faz?
Didi: Não faz mais.
Dedé: O que é que ele faz?
Didi: Acabou...

(Trecho final de Rebichada, da trilha sonora de Os Saltimbancos Trabalhões)

De nadis.

...

Nada melhor que o nosso lar, Dorothy.


Como vocês podem notar, esse blog anda jogado às traças. Fui pra Ribeirão. Voltei. Tive que conviver por algumas horas com gente desagradável. Meu grau está zerado, mas minha visão está 98% normal. Fomos à praia e voltamos no mesmo dia. Vimos a Valentina e ela fez festa pra Dindinha. Trabalho feito uma condenada nessa semana que começou ontem e na próxima sexta vou ser feliz em São Paulo. Sim, reivindiquei e levei: 5 dias de férias, 7 dias na capitar, com os velhos-queridos amigos, batendo perna, fazendo compras, comendo bem e respirando poluição na terra da garoa. Mas isso é só a partir do próximo sábado. Até lá, muito trabalho na semana que começou ontem, óculos escuros, lágrimas artificiais, 2% da visão pra recuperar, Leonard Cohen no iPobre, Valentina, aniversário da grávida e muita água. Porque hidratação é tudo.

Agora em Porto Alegre: 13 graus.

E, como eu sempre digo: o mundo , o mundo tira.

# . por Joelma Terto .  0 Comentários