terça-feira, outubro 10, 2006

sol na casa 1, lua na casa 7

eu e Drica no self portrait tuesday
(aniversário da Gueibi, a moça mais querida de PoA)
Da série "Ser póbi é foda", tem coisa mais deprimente que, começo de mês, ir nas lojas Rêni pagar carnê e aproveitar pra procurar, desesperadamente e sem sucesso, um sutiã 44 que caiba seus peitos? Não né? Pior só se a trilha sonora modelo bê-gê for algo do tipo "os piores xuxexos de xuxa, a perereca dos baixinhos". E absolutamente TODAS as pessoas do recinto - homem, mulher, criança e os vendedores - cantarem junto TODAS as músicas. Sério, se eu tivesse um revólver não ia prestar mesmo. Ou eu me matava ou matava aquele povo todo, tamanha deprimência do lugar. A cena que não sai da minha cabeça é a mamãe balzaca dizendo pra filhinha: "escuta filha, Lua de Cristal, a música da infância da mamãe". Béim: no meio da testa.

...

Falando em música (sic!), experimente estar num lugar público - um supermercado, um café, uma locadora - e ouvir More than words. Preste atenção a sua volta. Você verá todas as pessoas, todas mesmo, cantarolando junto: "Saying I love you...larilá... Just by saying I love you...darirarara...". É muito bonitinho.

...

Sonho de consumo besta da semana: camisola de seda de poás e lingerie de estampa de zebra. Quero muito.

...

Agora sim, publicadas todas as fotos da nossa viagem à Argentina e Uruguai em janeiro. São só 98 das mais de mil tiradas em 14 dias de viagem. As novas no meu álbum do flickr ou todas, diretamente, no set Media Luna de Miércoles. Enjoy it.

...

Momento dona-de-casa descontrol: eu acredito no poder O2 de Vanish. E você?

...

Por último, mas não menos importantes, elas, as fantásticas buscas que trouxeram viventes bípedes e com polegar opositor até o este ensebado recinto. Só de ontem:

- O sapo, o saco ou a perereca?

- Prêmio Vatarrel do mês.

- Jornalismo empírico.

# . por Joelma Terto .  0 Comentários