quinta-feira, outubro 30, 2003

manifesto da arte periférica



Descaradamente roubado da Erika.
Pra desopilar um pouco a cabeça das cousas desses dias. Pra botar um pouco de cor nesse canto recentemente monocromático. Pra homenagear o WADO, que além de escrever lindas músicas, tem esse traço único. Ufa. Já é quinta-feira...


# . por Joelma Terto .  0 Comentários