terça-feira, fevereiro 04, 2003

N@DA

Noite junkie. E o meu conceito de junkie, às vezes, pode ser diferente do teu. Depois de Horas, o filme, perde. Abstenho-me de maiores detalhes. Mas foi legal, ó. Coisas que se vê e vive na noite de segunda-feira de uma cidade chapada de tão quente e alegre (?). Que nem a sagitariana, e também filha de Oxum, que encontrei na downtown: “cara, eu tenho que seguir mais minha intuição e pá”. Então? Jo creio que eu também. E minha intuição me diz que...

Na real a noite foi massa. Até porque sou sempre de achar que mesmo que tudo saia do planejado e que, tecnicamente, dê errado, sempre vai ser uma experiência, ãhn, positiva. E foi, ó. Valeu a viagem. Ou as muitas viagens.

(estou tonta)



# . por Joelma Terto .  0 Comentários