sexta-feira, fevereiro 28, 2003

E se não fosse o Mautner...

... eu não sei. Só sei que ele tem sido uma ótima companhia.

Eu não ando, eu só sambo, por aí
Esse samba jambo escorregando para não cair
Eu me encosto nesse poste
Á sombra da bananeira
E por mais que eu te goste
Você não vê minha bandeira
Iê-iê-iê
Ia-iá-iá
Teus olhinhos sempre têm, meu bem
Aquela luz da aurora da manhã
(Samba Jambo – Jorge Mautner)


# . por Joelma Terto .  0 Comentários