quinta-feira, novembro 28, 2002

Deixa essa bolo de ameixa, e vem mexer

Tá galera, o lance é que: deu tudo errado mesmo. A mega-festa das sagitarianas ilustres foi pro espaço. Sem choro nem vela, porque hoje tudo o que eu quero é só uma camisa amarela. Então, pra ninguém chorar (tipo, eu), vamos fazer outro mexe-mexe no mesmo lugar de sempre: GÊ Powers. Não é falta de criatividade, mas de lugar legal e BBB nessa cidade pra ser fazer alguma coisa. Então, vamos dançar, vamos nos dar o luxo de ser fúteis, suar.

Ainda não sei qual vai ser o esquema. Aliás, não sei nem se vai ter algum esquema, mas lá, vocês sabem, é sempre baratinho (tipo R$ 3 ou 4). Vou falar com as gurias à tarde, e se tiver alguma novidade coloco aqui.

Meu plano é ver o espetáculo Universo pelos Sons (com os percussionistas Fernando do Ó, Giba Giba e Giovani Berti) lá no São Pedro, às 21h. Depois encontro a galera no Gê. Muito trabalho hoje. I´ll survive. I hope so.

Então, relembrando:

Jojo, Megara, Mimix e Aline convidam para um mexe-mexe-black-power, hoje à noite, no Gê Powers (José do Patrocínio, Cidade Baixa, Porto Alegre, Brasil). Quem trilha o caminho do bem tá convidado. A hora é aquela de sempre: hora de sair. Apareçam.

.........

(é que tem dias assim, que tudo o que dá pra fazer é ouvir Radiohead. nem chorar dá vontade. e por que choraria? não há motivos. nem pra alegria nem pra tristeza.)

# . por Joelma Terto .  0 Comentários